Metas e Abordagens para Conservaçào

Objetivos

Amazônia

A conservação dos ecossistemas aquáticos da Bacia Amazônica tem inspirado uma série de iniciativas que levaram a uma compreensão mais profunda dos ecossistemas de várzea e sua importância para a biodiversidade aquática e terrestre. Contribuições importantes vêm ocorrendo principalmente através de iniciativas com manejo de peixes e outras espécies aquáticas em escala local. Esses avanços tem contribuído na melhora da qualidade de vida das populações locais que dependem destas espécies para sua subsistência. No entanto, esses avanços positivos também expuseram os desafios associados com a gestão de dinâmicas hidrológicos complexas e espécies que migram longas distâncias durante o seu ciclo de vida, e servem para destacar a necessidade de uma gestão dos recursos aquáticos em escalas múltiplas, da escala comunitária local até a escala global do sistema hidrológico por completo.

Baseando-se em seu longo histórico de trabalho em florestas alagadas e de gerenciamento de recursos naturais em comunidades tradicionais, a equipe “Águas Amazônicas” da WCS Brazil está desenvolvendo ferramentas, mecanismos e parcerias que permitam a conservação e planejamento em escalas adequadas para a manutenção da diversidade biológica  e da  produtividade econômica dos sistemas aquáticos amazônicos.  


Nossa meta a longo prazo é:

A WCS-Brasil trabalha para conservar os rios, lagos, florestas de várzea e igapós do Estado do Amazonas, que são os habitats mais críticos para a fauna símbolo das planícies da Amazônia Ocidental.



Últimas publicações

All Publications >>

Email from:
 
Email to:
 
Message:


The person you email to will see the details you enter in the Form field and will be given you IP address for auditing purposes