Atividades

Atividades

Águas Amazônicas

WCS trabalha para conservar florestas inundadas, lagos e áreas úmidas do Amazonas que são o habitat mais importante para a fauna icônica das terras baixas da Amazônia Ocidental. Seguimos as seguintes ações estratégicas de longo prazo para atingir as nossas metas de conservação de habitat e vida selvagem, assim como garantir o fornecimento contínuo de serviços ecossistêmicos essenciais, tais como fornecimento de alimentos e regulação da qualidade e quantidade de água disponível.

  1. Construir um sistema de gestão da pesca em escalas adequadas para conservar peixes migratórios . Em novembro de 2013, a WCS organizou um seminário com especialistas para revisar o estado atual da gestão da pesca e da pesquisa na Amazônia, identificar ações críticas e definir quais serão os próximos passos . Os resultados deverá estar disponível no início de 2014 e orientará as ações da WCS Brasil durante os próximos anos .
  2. Entender os impactos da mudança climática e do desenvolvimento de infra-estrutura na hidrologia da Bacia Amazônica, e usar esse conhecimento para melhorar políticas públicas e gestão da pesca.
  3. Gerenciar e monitorar a fauna aquática e seus habitats. A WCS Brasil junto com parceiros, trabalha para melhorar o manejo de peixes migradores, onça-pintada, jacaré, peixe-boi e tartarugas em seus habitats. Para entender se nossos esforços estão tendo o impacto desejado, a WCS Brasil estabelece  linhas de base e monitora mudanças de status nestes grupos dentro das paisagens onde trabalhamos. Em agosto de 2013, a WCS Brasil lançou um programa para monitorar tartarugas amazônicas em áreas prioritárias de conservação no rios Purus , Solimões e Negro.